Google faz Homenagem a José Mauro de Vasconcelos

O livro conta a história de Zezé, filho de uma família muito pobre. Zezé em meio a pobreza, a solidão e o desajuste social, cria um mundo de fantasia como fuga para a dura realidade em que vivia.  Assim é que um pé de laranja-lima que ele chama de Minguinho se torna seu confidente, a quem conta suas aventuras e desventuras.  Ele encontra apoio e carinho também em algumas pessoas como a professora Cecília, um caixeiro viajante e  sobretudo em Manuel Valadares, um português que ele apelida carinhosamente de Portuga, uma figura que substitui seu pai. A vida, porém, lhe prega uma peça cedo demais levando seu amigo Portuga só lhe restando Minguinho como amigo e confidente.
Se eu fizer um Top 5 dos meus livros preferidos, com certeza Meu Pé de Laranja Lima estará entre eles.
O primeiro contato que tive com a obra foi em forma de novela, reprisada pela bandeirantes no início dos anos 90. Adorava e não perdia um capítulo.
Parte do elenco da novela que foi reprisada nos anos 90.
Depois, fui em busca do livro pra ler. E esse foi o único livro que me fez chorar copiosamente enquanto lia, a ponto de ter de parar a leitura, respirar fundo pra poder continuar. Um livro triste, mas é uma leitura que cativa e te envolve. Recomendo muito.
Em 2012 lançaram a segundo versão do livro para o cinema. Um dos poucos filmes que eu vi baseado em livros que se manteve fiel a obra de origem. Também foi o único filme até hoje que conseguiu me fazer chorar. A fotografia do filme é linda e a atuação do José de Abreu como Portuga é impecável.
Cartaz promocional do filme lançado em 2012.
E hoje, 26 de fevereiro, José Mauro de Vasconcelos, o autor do livro,  estaria fazendo 95 anos e o Google fez um doodle em sua homenagem. Achei lindo e por isso decidi fazer esse post.
Doodle do dia 26/02/2015 em homenagem ao 95º aniversário de José Mauro de Vasconcelos.