Deus Reconhecerá os Seus: A História Secreta dos Cátaros – Maria Nazareth Alvim de Barros

 

Eu tenho um interesse aguçado sobre as doutrinas fora da ortodoxia cristã. Uma em especial, o catarismo, tem sido motivo de minhas leituras atualmente.

Eu comprei o livro “Deus Reconhecerá os Seus: A História Secreta dos Cátaros” da autora Maria Nazareth Alvim de Barros que faz um relato histórico e muito sério sobre esta doutrina considerada herética.

A narrativa é densa e em algumas passagens pode se tornar cansativa. Mas está cheia de informações sobre os dissidentes e o drama de seu desaparecimento violento pela Igreja Católica da época. Particularmente, eu considerei o livro um pouco triste, pois você vai percebendo que os cátaros tinham uma doutrina de muita tolerância e de sinceras intenções espirituais. Uma doutrina que tinha em si alguns aspectos do cristianismo primitivo e que poderia elucidar muitas dúvidas sobre a própria pessoa de Jesus.

Meu pensamento quanto a eles está longe de considerações sobre se estavam certos ou errados, quanto sua prática teológica. Mas sim numa alternativa de viver o cristianismo. Mesmo com todas as ameaças para quem aderisse, inclusive ameaça de morte, esta doutrina conseguia cativar milhares de pessoas.

O cenário do livro acontece no século XII, sul da França, nos territórios conhecidos como Midi e Occitânia.  A atual Catalunha também abrigou muitos cátaros. Interessante também notar que estas mesmas regiões tinham uma riqueza econômica e diversidade cultural muito grande.

Eu comprei o meu exemplar em um sebo. Não sei se você vai encontrar em alguma livraria por aí. Foi um pouco caro, mas uma ótima aquisição para consultas futuras. A autora prestou um grande serviço para os leitores de língua portuguesa.

Livros: Os Templários – Michael Haag

Nos últimos meses, entre tantos outros assuntos, tenho dedicado meu tempo sobre os templários. Aqueles cavaleiros medievais que todo mundo já deve ter ouvido falar, geralmente por causa da lenda do Graal e outros mistérios que os envolve.

Gostei muito deste livro, Os Templários: História e Mito. Um dos motivos de meu elogio sobre o livro é que ele tem uma linguagem muito acessível para qualquer pessoa. O autor, Michael Haag, começa com a história do Templo de Salomão e segue até a nossa época, mostrando como os míticos e místicos cavaleiros foram revividos como fenômenos do mundo da arte, através dos romances, filmes, músicas e até games sobre eles. Foi interessante saber que o aclamado Star Wars, teve originalmente pelos seus roteiristas, a idéia de batizar os heróis defensores do universo de Templários Jedi.

Além de todos aqueles mistérios e acusações de heresias que pairam sobre a cabeça dos cavaleiros da Ordem dos Pobres Cavaleiros de Cristo e do Templo de Salomão, o fato é que eles exerceram uma grande influência na Idade Média nos campos militar, da ciência, tecnologia, economia e espiritualidade. O final trágico que tiveram com as torturas e martírios na fogueira é o resultado do poder que conquistaram e pela assimilação e tolerância sincrética que praticavam.

É um livro que vale a pena a leitura e tem ilustrações em preto-e-branco se você é do tipo que se cansa rápido com tantas letrinhas ( risos ). Meu exemplar eu comprei na Amazon. E você pode ir direto para a vitrine da loja com o livro, clicando aqui.

Ainda hoje, muitos grupos se consideram herdeiros dos templários, provando que de uma maneira ou de outra, eles continuam presentes em nossa era.